terça-feira, 5 de agosto de 2008

A Credibilidade

É tudo. Já não quase tudo como aí em baixo mas tudo mesmo.
"Em Janeiro, numa entrevista à Antena 1, Marinho Pinto disse que "existe em Portugal uma criminalidade muito importante (...) e que andam por aí impunemente alguns a exibir os benefícios e os lucros dessa criminalidade. Alguns até ostensivamente ocupam cargos relevantes no Estado português, disse ainda, acrescentando estar disponível para falar em casos concretos."

MP arquiva declarações de Marinho Pinto.

Quem devia ser arquivado era o próprio Marinho Pinto, não as suas declarações.

Post Scriptum: quando acaba o prazo dado pelo Conselho Superior da OA, para que Marinho Pinto concretizasse as suas acusações desabridas?

2 comentários:

jaime roriz disse...

pronto agora já não tenho dúvidas entre o rantanplan e o MP, mas eu gostava imenso do rantanplan, aquele animal sendo estupido acabava sempre por corrigir alguma coisa com os seus disparates era um bicho amoroso e ninguém se atrevia a tratá-lo mal, a mãe de joe dalton ainda lhe ralhava se joe tratava mal o pobre bicho. O MP pelo contrário, não tem quem se amercie dele quando cair.

bolonhado disse...

Ufa! ainda bem que percebeu!
Quanto ao resto concordo. Nem o Jaime imagina quanto. Sempre tive cães. Agora saiu-me uma "rantanplan" na verdadeira acepçãoo do termo. Parece de propósito!??